Amã: Otimização da gestão de resíduos sólidos urbanos

Amã: Otimização da gestão de resíduos sólidos urbanos

Data da publicação: 10/08/2018

Empresa: Deloitte
Cidade de implementação: Amã – Jordânia
Total de habitantes da cidade: 4 milhões de habitantes
Área de atuação do projeto: Gestão de resíduos sólidos
Montante investido: 1,6 M€ da “TKI Switch 2 Smart Grids” na iniciativa Vehicle2grid
Financiador: Município de Amã

O projeto

Problema identificado: A elevada densidade populacional consequente do constante crescimento do número de habitantes no município de Amã, aliado a um serviço público sobrecarregado e a infraestruturas desatualizadas, provocou um desequilíbrio na gestão de resíduos sólidos urbanos.

Solução encontrada: Em 2015, a cidade de Amã introduziu o projeto CityPerform assente na implementação de plataformas de tecnologia digital para recolha e gestão de dados, com o objetivo de reformular o sistema de gestão e tratamento de resíduos sólidos urbanos. Esta abordagem SmartCity cedida pela Deloitte, consistiu na centralização de dados recolhidos, com posterior otimização dos indicadores de desempenho e melhoria na gestão de frotas e mapas da cidade.

Resultados: A recolha e o tratamento da informação e a atualização do sistema de gestão de frotas e mapas resultaram num sistema prático, adaptável e urbanamente sustentável. Aumentou a eficiência nos serviços de gestão dos resíduos sólidos, da higiene e saúde pública e, consequentemente, a qualidade de vida dos cidadãos. Todos estes fatores contribuem para um desenvolvimento sustentável do município de Amã.

Impactes positivos para:

A cidade: Um ineficiente sistema de gestão de resíduos sólidos urbanos induz insatisfação no quotidiano dos cidadãos, prejudicando também a segurança alimentar e pública da população. Em última instância o desenvolvimento económico do município de Amã fica também afetado. Com a implementação de uma nova metodologia de gestão é possível recuperar a qualidade de vida dos habitantes e equilibrar a dinâmica socioeconómica.

A região: A melhoria dos serviços de resíduos sólidos contribui para inúmeras vantagens na cidade e nas comunidades ao redor da cidade: estabilidade social, expansão das atividades socioeconómicas e promoção da região.

Projetos futuros: A metodologia utilizada no projeto pode ser adaptada a projetos futuros.

Influência na transformação da cidade: O sistema de gestão e tratamento de resíduos sólidos urbanos contribui para a prosperidade da cidade e regiões limítrofes no âmbito da qualidade de vida e bem-estar dos cidadãos e higiene e saúde pública.

Poupanças geradas

O projeto CityPerform gera contínuas poupanças no âmbito das infraestruturas seja na construção e reparação de edifícios de forma a facilitar a gestão dos resíduos sólidos, na eficiência e a rentabilidade nos processos e também ao nível do domínio público, uma vez que há a clara melhoria da higiene e saúde pública.

Obstáculos encontrados e como foram ultrapassados

A organização dos dados e a criação de ações foram as dificuldades encontradas no decurso da implementação do projeto. Foram superadas recorrendo à marcação de reuniões de trabalho com as pessoas encarregues de elaborar a gestão de resíduos sólidos da cidade.

Fatores de sucesso

Para o projeto decorrer com êxito é importante compreender os aspetos técnicos e os requisitos previstos. É importante também a criação de sinergias através de reuniões periódicas com os chefes dos vários departamentos envolvidos no projeto.

Lições aprendidas

Um projeto desta categoria tem implicações em diversos organismos públicos, sendo imperativo um correto alinhamento entre os vários intervenientes.

2018-08-13T13:14:59+00:00